Sábado, 18 de novembro de 201718/11/2017
Trovoadas isoladas
17º
25º
25º
Sao Paulo - SP
Erro ao processar!
Patrocínio_LARGO_01
SAÚDE
Praga de Muriçocas assola o município de Jequié
Venda de raquetes para matar mosquitos bate record na terra do sol
Indicatu Web Notícias São Paulo - SP
Postada em 13/08/2017 ás 17h04 - atualizada em 09/09/2017 ás 20h58
Praga de Muriçocas assola o município de Jequié

(Foto: Reprodução)

Depois das Mariposas, a natureza, ou a falta de limpeza, como queira classificar o leitor, resolveu agraciar a Terra do Sol com uma incomodante praga de um dos insetos mais insuportáveis da face da terra: as Muriçocas. 


E elas estão em toda a parte da casa: Quartos, banheiros, salas de estar e onde quer que haja um lugar quente e aconchegante, com o ambiente propício para a sua proliferação e, principalmente, que exale o odor do corpo humano, gerando a situação perfeita para a atração do Culicidae, nome científico para essa família de mosquitos.


Em todos os bairros da cidade, a reclamação é geral. A epidemia do mosquito tem perturbado a paz das noites de sono dos moradores de Jequié, carinhosamente apelidada de 'Terra do Sol'. Por ser uma cidade extremamente quente, cria-se o ambiente ideal para a proliferação do mosquito.


O surto tem levado os Jequieenses a buscar instrumentos importados, como as raquetes 'Mata-mosquitos', para livrarem-se da 'coisa'. Ainda outros preferem o uso de repelentes para amenizar o incômodo e evitar as picadas que, em alguns casos, tem gerado problemas em crianças alérgicas. E há aqueles que recorrem às formas mais rudimentares possíveis para se verem livres da praga, como o uso de tochas feitas com jornal.


Uma das causas para o surto do mosquito pode está associada ao canal do Rio Jequiezinho, um verdadeiro esgoto a céu aberto em pleno centro da cidade. Alguns comentam que sentem a falta dos famosos carros 'Fumacê' que, em certas épocas do ano, bombardevam as áreas mais afetadas, aliviando o sofrimento da comunidade.


Enquanto o socorro não chega, a doce vingança dos jequieenses tem se resumido 'no fritar' dos mosquitos em suas raquetes elétricas.


AGÊNCIA INDICATU  - SP/BR - 13/08


 

FONTE: Agência Indicatu - Texto: Da redação
O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
imprimir
773
© Copyright 2017 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium